RSS

Não fui alertado

segunda-feira, 18/04/2011 10:19 pm  

Qual seria sua reação se um amigo ou parente lhe dissesse: “Estou nessa… na pior! Não fui alertado!”

Depois de um culto abençoadíssimo em uma igreja evangélica, parado próximo a um grupo de jovens, reparei no seguinte diálogo:

Que é isso?, disse um rapaz apontando com o dedo.

Achei bonito e resolvi colocar no braço, respondeu seu colega.

Era uma tatuagem usada no satanismo. Veio-me a mente: “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou conhecimento…” Oséias 4:6.

Lembrei-me de E. D. Mastral (ex-satanista) que contou em seu livro “Filho do Fogo” como o inimigo está sutilmente, se infiltrando no meio evangélico.

O Rev. Hernandes Dias Lopes cita: “A televisão brasileira, a mais imoral do mundo, arrasta para dentro dos nossos lares uma enxurrada de toda sorte de degradação.”

É triste ver que as igrejas não se preocupam com isso. Elas estão dormindo, guerreando entre si. São egoístas, incapazes de unir-se para a luta contra as potestades.

Pastor Jesher Cardoso descreve a “Tolerância ao Pecado nas Igrejas”, dizendo que não existe 10%, ou 20% de pecado. Pecado é pecado e ele separa o homem de Deus. A bíblia nos ensina a sermos santos.

“… não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento…” Romanos 12:2

Nós não podemos mudar o mundo, mas, podemos sim, melhorar o espaço que ocupamos, deixando a luz do Senhor brilhar em nossa vida.

“Não escondam a luz de vocês! Deixem que ela brilhe para todos; e que as boas obras de vocês brilhem para serem vistas por todos, de tal maneira que louvem o Pai Celeste.” Mateus 5:15-16

“Lembre-se também de que, saber o que deve ser feito e não fazer, é pecado!” Tiago 4:17

 

Que Jesus Cristo seja seu modelo e inspiração.

 

Autor: Fortes E. Reis

Extraído do Devocional O Mensageiro

, , , , ,

Este post foi escrito por:

- que escreveu 1125 post(s).


Entre em contato