RSS

Uma ordem constrangedora

segunda-feira, 16/08/2010 9:27 am  

Não peques mais (João 5:14).


Jesus Cristo disse tais palavras para um paralítico a quem acabara de curar. Esse homem havia sofrido com sua incapacidade por 38 anos. Agora curado milagrosamente, tudo parecia estar em ordem.

Mas o Senhor tinha mais uma coisa a dizer que aparentemente aquele homem, da mesma maneira que a maioria das pessoas hoje em dia, não havia considerado: a questão do pecado. Pecar significa violar os mandamentos de Deus; e isso afeta a todos.

Quando nos encontramos em dificuldade, queremos sair da situação o mais rápido possível. Oramos e, às vezes, Deus responde como gostaríamos.

O problema, qualquer que seja, é resolvido e a vida continua. Mas então vem a ordem constrangedora: “Não peques mais!” Somos capazes de diagnosticar o problema dos outros: egoísmo, avareza, explosões de ira, grosseria, etc.

No entanto, essa palavra de Jesus se refere às manchas em nosso próprio caráter. Deus já viu cada uma delas.

Quem se esforça para levar uma vida irrepreensível logo percebe que tal esforço é enorme e passageiro. Em primeiro lugar, precisamos de perdão para as transgressões cometidas, e depois de força para levar uma nova vida.

É exatamente isso que o Senhor Jesus deseja e quer nos dar. Ele morreu na cruz para expiar os pecados. Quem aceita esse fato pela fé é liberto de todo fardo e perdoado de toda culpa.

Se você se voltar para Ele como está, algo realmente impressionante irá lhe acontecer: você passará a ter nojo das práticas pecaminosas, porque “todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo” (1 João 5:18).


,

Este post foi escrito por:

- que escreveu 1125 post(s).


Entre em contato