RSS

Marcha triunfal

domingo, 16/05/2010 11:29 pm  

E graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo, e por meio de nós manifesta em todo o lugar a fragrância do seu conhecimento (2 Coríntios 2:14).


Os generais romanos que voltavam vitoriosos das guerras recebiam uma honra muito especial: era feita uma marcha triunfal por toda a cidade em homenagem a eles.

Usando uma coroa de louros ricamente decorada, o conquistador entrava na cidade em cima de uma carruagem magnífica, seguido por seus oficiais e por seus soldados.

Ao longo do percurso, animais eram sacrificados e incenso espalhado. A retaguarda era composta por prisioneiros de guerra e por preciosos itens dos despojos da batalha.

O apóstolo Paulo tinha isso em mente quando escreveu essa passagem da carta aos coríntios. Cristo é o Vitorioso e Deus lhe concedeu essa marcha triunfal. O apóstolo e todos os que se posicionam ao lado do Senhor Jesus Cristo fazem parte do exército conduzido triunfalmente.

O Evangelho não nos é apresentado aqui como uma batalha, mas como a celebração da vitória obtida na cruz do Calvário. Ali o Senhor venceu Satanás, o “homem forte” foi finalmente subjugado, destituído de sua armadura e espoliado de seus bens (Lucas 11:22).


Contudo, em contraste com os generais humanos, que ganhavam as guerras com o sangue de seus próprios soldados, o Senhor Jesus lutou sozinho, pois não havia quem pudesse ajudar, pois “Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis” (Romanos 3:12).

Os pecadores eram os prisioneiros, o despojo do inimigo que devia ser retomado (Hebreus 2:14-15). Os filhos de Deus jamais devem se esquecer disso.

Agora os que crêem estão ao lado do Vitorioso na marcha triunfal, são a fragrância de Cristo para Deus, são os soldados que lutam contra um inimigo vencido, mas ainda ativo e perigoso. E em breve receberão o galardão. Que graça sublime e admirável!


Extraído do devocional “Boa Semente”

, ,

Este post foi escrito por:

- que escreveu 1125 post(s).


Entre em contato