RSS

O dia das mães

segunda-feira, 11/05/2009 12:33 am  

Recentemente li o relato acerca da origem do dia das mães nos EUA. Uma mulher que se sentia culpada por não ter apreciado e honrado suficientemente sua mãe enquanto esta vivia, procurou compensar sua negligência levando toda uma nação a festejar o dia das mães.

Essa idéia foi amplamente apoiada, de modo que em 1914 o segundo domingo de maio entrou para o calendário oficial como o Dia das Mães. Desde então, milhares de pessoas comemoram esse dia oferecendo presentes para elas.

Será que também desejam reparar assim um pouco da falta de amor, de apreço e de obediência?

Em todo caso, existem pessoas que querem agradar a Deus dessa mesma maneira quando a consciência lhes incomoda. Mas isso é inaceitável. Ele não Se deixa enganar por nossas boas obras.

Quando nos exige obediência e nós, Suas criaturas, não O respeitamos, vivendo de acordo com nossa própria vontade, então nos tornamos culpados.

Como podemos escapar dessa situação diante de Deus? Fazendo o que Ele nos ordena. “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”. (1 João 1:9)

Só então experimentaremos o fato de que “Deus prova o seu amor para conosco em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores”. (Romanos 5:8)

Se queremos agradar a Deus, somente poderemos fazê-lo crendo no Senhor Jesus como nosso Salvador pessoal e obedecendo todos os Seus ensinamentos e instruções.


Extraído do devocional “Boa Semente”

, , ,

Este post foi escrito por:

- que escreveu 1125 post(s).


Entre em contato